Famílias desalojadas no Uíge beneficiam de bens alimentares

Famílias desalojadas no Uíge beneficiam de bens alimentares

Onze famílias da aldeia de Calumbo, no município sede do Uíge, desalojadas em consequência das chuvas, beneficiaram, nesta terça-feira, de bens alimentares, numa iniciativa do Gabinete Provincial de Acção Social, Família e Igualdade de Género.

Dos produtos oferecidos consta arroz, fuba de milho, óleo e massa alimentar, sal e chapas de zinco.

Dirigindo-se às famílias sinistradas, o administrador municipal adjunto do Uíge, Hélio Vicente, afirmou que as chuvas têm estado a causar enormes estragos nas várias localidades da província, aconselhando a população para evitar a construção  em locais de riscos .

Já a chefe do Departamento da Família e Igualdade do Género, Rosária Conceição Alfredo, anunciou que outros apoios estão a ser mobilizados para os sinistrados.

A chuva que caiu recentemente na província do Uíge causou, naquela aldeia, a destruição de 11 residências, uma igreja e uma escola primária.

A aldeia de Calumbo, que dista a 12 quilómetros a leste da cidade do Uíge, sede capital da província, possui uma população estimada em mais de quatro mil habitantes, maioritariamente camponesa.

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Terça, 29 Janeiro 2019 22:17
.
.
.