Lusa

Lusa

Notícias da Agência Lusa

O Ministério Público assume não confia que a Justiça angolana dê, para já, seguimento ao processo que envolve o ex-vice-presidente de Angola, de acordo com um documento do Ministério Público divulgado este sábado pelo semanário Expresso.

O Presidente angolano pediu hoje ao novo conselho de administração do Fundo Soberano de Angola (FSDEA) que recupere o "papel importante" da instituição na economia do país, após ter exonerado José Filomeno dos Santos da liderança.

O procurador-geral da República angolana, general Hélder Pitta Grós, afirmou hoje que o Presidente e o vice-presidente da República já entregaram as respetivas declarações de bens, afastando as dúvidas surgidas ao longo da semana.

O Ministério das Finanças angolano justificou a exoneração de José Filomeno dos Santos, filho do ex-chefe de Estado José Eduardo dos Santos, da presidência do Fundo Soberano de Angola (FSDEA) com a "falta de transparência" detetada na instituição.

A UNITA, maior partido da oposição angolana, vai reforçar, com novos pareceres, um memorando que entregou, em 2010, ao governo da província de Luanda, para uma melhor gestão da capital, nomeadamente nas questões sociais e na descentralização.

O presidente da Associação Industrial de Angola (AIA), José Severino, criticou hoje a forma como está a ser conduzida a depreciação em curso do kwanza angolano, receando os efeitos da especulação da cotação do mercado de rua na inflação.

O preço para comprar uma nota de dólar nas ruas de Luanda aumentou quase 5% nos últimos dois dias, incorporando a depreciação face às moedas norte-americana e europeia, provocada pela introdução, na terça-feira, do novo regime flutuante cambial.

O líder do MPLA, José Eduardo dos Santos, e o Presidente da República, João Lourenço, "entrevistaram-se" horas antes de o chefe de Estado ter afastado do poder José Filomeno dos Santos, outro dos filhos do seu antecessor.

O Presidente angolano promulgou o negócio da venda da participação de 16,4% da Odebrecht, envolvida no escândalo de corrupção no Brasil, na Sociedade Mineira de Catoca, que explora a quarta maior mina de diamantes a céu aberto do mundo.

As exportações angolanas de produtos agrícolas cresceram 120 vezes do segundo para o terceiro trimestre de 2017, atingindo a fasquia dos 21,1% do total de vendas ao exterior, segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE) de Angola.