×

Atenção

Erro ao carregar arquivo XML

Vice-presidente da Fifa e presidente da CAF é detido em Paris para interrogatório em caso de corrupção

O vice-presidente da Fifa e presidente da Confederação Africana de Futebol, Ahmad Ahmad, foi detido neste quinta-feira, em Paris, para um interrogatório. O dirigente está na cidade por causa do Congresso anual da entidade, que aconteceu na quarta-feira, e para a abertura da Copa do Mundo feminina.

O dirigente foi detido pela polícia no hotel onde os representantes da Fifa estão hospedados. Ele é parte de uma investigação de corrupção que apontou supostas irregularidades cometidas pelo ex-vice presidente da CAF, Amr Fahmy.

A Fifa confirmou que Ahmad foi detido, mas disse que "não está ciente dos detalhes que cercam esta investigação e, portanto, não está em condições de fazer nenhum comentário especificamente sobre isso".

"A Fifa tomou conhecimento do ocorrido com Ahmad Ahmad, que está sendo questionado pelas autoridades francesas em relaçãoa supostas irregularidades relacionadas ao seu mandato enquanto presidente da CAF", disse a entidade em comunicado.

A detenção de Ahmad ocorre no dia seguinte à reeleição do presidente da Fifa Gianni Infantino, que, em seu discurso, destacou a reestruturação e limpeza feitas na entidade após os escândalos de corrupção em 2015.

Ahmad, ex-político de Madgascar, teve apoio de Infantino durante a campanha para a presidência da CAF, em 2017.

Rate this item
(0 votes)
.
.
.

Previsão do Tempo

Uige