×

Atenção

Erro ao carregar arquivo XML

África do Sul vai repatriar centenas de comerciantes informais ilegais

As autoridades da África do Sul vão deportar para os seus países de origem centenas de comerciantes informais em situação ilegal no país, noticiou hoje a rádio pública sul-africana (SABC).
África do Sul vai repatriar centenas de comerciantes informais ilegais

Segundo a SABC, o Tribunal da Magistratura de Joanesburgo ordenou hoje a deportação de imigrantes estrangeiros em situação ilegal no país que foram presos durante uma operação policial, na semana passada, no centro da cidade de Joanesburgo contra a venda de produtos falsificados e de contrabando.

A polícia sul-africana prendeu mais de 600 comerciantes ilegais, precisou o canal público, acrescentando que alguns foram entretando libertados e mais de 300 compareceram individualmente em tribunal.

Sete agentes da polícia também foram presos por alegada tentativa de revender produtos falsificados confiscados a comerciantes ilegais no centro da capital sul-africana, avançou o canal público.

Todavia, o portal noticioso IOL dá conta de 10 agentes policiais detidos por aquela força de segurança pública desde a passada quarta-feira.

A polícia anunciou ainda ter confiscado armas e munições ilegais, entre as quais duas pistolas e três armas automáticas do tipo metralhadora.

Os estrangeiros ilegais serão deportados no prazo de 30 dias e vão ficar detidos no Centro de Repatriamento de Lindela, em Krugersdorp, arredores de Joanesburgo, referiu a SABC.

As autoridades sul-africanas não precisaram a nacionalidade e o número exato de cidadãos estrangeiros ilegais a deportar nos próximos dias.

Milhares de estrangeiros, a maioria africanos e muitos deles indocumentados, vivem na África do Sul, nomeadamente em Pretória, Joanesburgo e Cidade do Cabo, onde se dedicam ao comércio informal de rua, muitas vezes à revelia dos proprietários de lojas e das autoridades locais.

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Segunda, 12 Agosto 2019 22:58
.
.
.

Previsão do Tempo

Uige