×

Atenção

Erro ao carregar arquivo XML

O presidente do grupo parlamentar da Unita, Adalberto da Costa Júnior, venceu a corrida à liderança do partido, tornando-se no terceiro presidente, após o fundador Jonas Savimbi e Isaías Samakuva, que chefiaram o “Galo Negro” nos últimos 16 anos.

A UNITA, maior partido da oposição em Angola, questionou hoje se o país tem dinheiro para organizar as primeiras eleições autárquicas em 2020, defendendo “os consensos necessários” para que as autarquias sejam constituídas em simultâneo em todos os municípios.

O deputado Alcides Sakala Simões afirmou ontem, em Luanda, que se candidata à liderança da UNITA para reafirmar o papel do partido como “vanguarda democrática dos angolanos” e alcançar o poder político em 2022.

O candidato à presidência da UNITA, José Pedro Kachiungo, defendeu hoje, em Luanda, um diálogo entre os patriotas deste partido e do MPLA para, em conjunto, definirem compromissos estruturantes para colocar o país no trilho do progresso.

O candidato à liderança da UNITA, maior partido da oposição angolana, Adalberto da Costa Júnior, disse hoje que foi já emitida a certidão que comprova a sua renúncia à nacionalidade portuguesa.

Página 1 de 6